quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Seria bom...


       Seria bom quando alguém chega e lhe anima com as novidades, mesmo que você não esteja num bom estado e espírito.
     Seria bom também quando alguém lhe apoia, que está sempre junto, insistindo em algo que mesmo não torne interessante, tendo a certeza que a sua companhia faria esquecer e apreciar a vivência.
     O bom mesmo é saber que ela seria capaz de fazer o mesmo, pois o valor indescritível depositado sobre você é maior que qualquer valor material apresentado na natureza. É bem mais que o carinho, o amor, a sinceridade, a companhia de ter você sempre por perto. 

                                 [Claymilen Salutiano]

sábado, 27 de agosto de 2011

Me afastei..



      Como te falei não por falta de vontade, nem muito menos de sentimento ...
      Me afastei  ...
      Por está cansada demais. Por querer me preservar e  talvez evitar um futuro sofrimento ...
      Eu te quero bem. Meu  querer é tão forte que é impossível ser impercebido... 
      Eu só quero o teu bem...
      A unica coisa que quero é te ver sorrir... Sorrir daquele jeito bobo que me faz tão mais tão bem.
      Sabe essas e outras 1 milhão de coisas queria te falar daquele jeito....
      Aquele silêncio profundo.. Olho no olho. Nos olhávamos profundamente que eu chegava até a avistar  minha imagem refletida nas pupilas claras dos seus olhos. Sentindo sua respiração, escutando o som das batidas do seu coração.
      Aqueles momentos em que pareciam serem eternos. Parecia que não havia mundo lá fora. Ali eramos apenas ; eu você e nossos pensamentos... 
      Mas talvez agora do seu lado esteja uma pessoa que por ventura não sou eu. Se tiver me faz um favor?
       Pede pra ela cuidar de você... Pede pra ela colocar tua cabeça no colo e mexer no teu cabelo bem devagar sem presa, assim continuar te olhando em quanto em um piscar de olhos você adormece. Diz a ela que quando você falar que está com frio é só um pretexto pra ganhar um abraço, fala pra ela te abraçar. Pede pra dá beijinho pra não ressecar a pele. Pede pra te mimar e pra rir de todas aquelas suas imitações ilarias e bizarras. Ah! E de suas piadas totalmente sem graça também... O mais importante! Diz pra ela ter paciência com seu jeito marrentinho. Não esqueça de falar pra se acostumar com seu orgulho, pois você não vai mudar...
       Enfim pede pra cuidar direitinho de você. Faz isso pra mim ? 

      Acredite a dor de imaginar outra pessoa que não seja eu fazendo todos esses caprichos é impossível de  descrever aqui. Mas eu aprendi que quem gosta não é egoísta, liberta e só quer o bem.

 
      Espero que um dia nossos caminhos possam se encontra, e que seja diferente ...


                                                                              [Brunna Richelly]
                                     [ http://brunarichelly.blogspot.com/2011/08/desistir.html ]

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Olhares expressivos.


      Queria te encontrar agora, e dizer tudo que tenho guardado dentro de mim. Digo as coisas boas que levo comigo. Se eu pudesse te levava para aquele lugar onde foi o nosso primeiro encontro, aquele que ficamos horas olhando um pra cara do outro feito duas pessoas boba, tipo cenas de filme que costumamos ver.
       Queria em toque, sentir sua pele morena, e as minhas mãos acariciar seu rosto; e olhando seus olhos lindos e castanhos, sentir o meu corpo junto ao seu trocando calor com o meio.
         Queria segurar sua cabeçar por trás mexer seu cabelo, e segura-la quando firme for aquele beijo, apertando-la conforme o calor em veemência crescer constantemente a ponto de deixando-me excitado.
      Queria dizer tudo expressivamente e no meu olhar você entender o que ele quer dizer, ou seja, você.
        Não seria, somente, em palavras que eu poderia dizer, mas sentir o pulsar do meu coração quando estou perto de você.


                                                [Claymilen Salustiano]

sábado, 6 de agosto de 2011

Bobo apaixonado


       Acho que estou apaixonado por alguém que nunca conheci e que tenho vivido alguns momentos prestimosos.
       Digo isso claramente em meus textos, alguns são expressivamente ao meu eu. Talvez esteja e não reconheça tentando não admitir estar apaixonado; para falar a verdade, faz tanto tempo que não sei o que é isso..
       Sei que os sentimentos são vivos, íntimos e tão pessoais. Que até mesmo me questiono sobre esse ser que vive me envolvendo, iludindo, deixando-me cada vez enamorado. Parece me prender, querer viver junto a ela algo que na realidade eu não sinto.
       Toda vez que escrevo vem algo lá no fundo, um sentimento intenso que torna inspirado em escrever. Fico fantasiando histórias, vidas futuras ou até aquele já morreu deixando saudades dos bons tempos. Fico também me questionando quem seria esse ser que perturba que deixa ser assim um menino bobo, enfeitiçado vivendo algo tão bonito por dentro, um feliz apaixonado.
       Uma coisa que hoje percebo, mas não queria enxergar e acreditar que realmente eu fosse capaz de ser um romântico apaixonado. Confesso que sou, em alguns pontos estratégicos da minha vida, me deixo levar as coisas boas algo prazeroso em querer e o meu bem estar.
       É uma pena que ninguém sabe da valor, digo, valor sentimental. O ser humano tem um dom de achar inútil por medo de envolver e sofrer novamente. Se reconhecessem os valores saberiam lutar e fazer valer a pena porque a paixão e o amor quando estão juntos nunca acaba apenas vivem.

                                                  [Claymilen Salustiano]

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

O que eu realmente queria saber.


      Poxa, queria conseguir dormir..
     Sabe? Ficava imaginando como é que você dorme sobre a cama, se você rola muito, se mexe demais, se gosta de lençol ou não. 
  Queria também imaginar como você acorda, bem humorada, feliz, com disposição ou com a velha preguiça. 
      E o que mais queria mesmo sobre tudo isso, é saber se em algum lugar você pensa em mim.

[Claymilen Salustiano]